LEI  Nº 2.059, DE 22 DE OUTUBRO DE 1964.

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO:

Faço saber que a Assembléia Legislativa decretou e eu sanciono a seguinte lei:

Art. 1º - O artigo 2º da Lei nº 1.930, de 07 de janeiro de 1964, que criou, no município de Alfredo Chaves, o distrito de Ibitiruí, passa a vigorar com a seguinte redação:

Art. 2º - O distrito de Ibitiruí terá os seguintes limites: com o distrito de Crubixá, ao sul, começa em Ipê Açu e segue pelo divisor de águas do rio Santa Maria e São José até alcançar o rio Benevente; sobe pela margem direita deste até o lugar Duas Pontes; daí limitando-se com o distrito de Matilde, sobe pelo divisor de águas dos córregos José Tamasine e Olinto Cremasco até a divisa com o município de Cachoeiro de Itapemirim; continua pelas divisas do município de Alfredo Chaves com o de Cachoeiro de Itapemirim até alcançar o ponto inicial dos limites com o distrito de Crubixá

Art. 2º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário.

Ordeno, portanto, a todas as autoridades que a cumpram e a façam cumprir como nela se contém.

O Secretário do Interior e Justiça faça publicá-la, imprimir e correr.

Palácio Anchieta, em Vitória, 22 de outubro de 1964.

FRANCISCO LACERDA DE AGUIAR

AYLTON ROCHA BERMUDES

Selada e publicada nesta Secretaria do Interior e Justiça do Estado do Espírito Santo, em 22 de outubro de 1964.

ELZIRA LOURENÇO PEREIRA

Diretor da Divisão do Interior e Justiça

Este texto não substitui o original publicado no Diário Oficial do Estado de 27/10/64.

Reproduzida no D.O. de 04/11/64 por haver sido publicada com incorreção.